OKA, aplicativo para migrantes e refugiados, chega a São Paulo

Todos os dias milhares de refugiados atravessam fronteiras internacionais, fugindo da guerra, da violência e da incerteza. No Brasil, pelo menos 100.000 novos refugiados chegaram desde 2017, muitos vindo da Venezuela. Para eles, o acesso a serviços básicos é um grande desafio. Pensando nisso, o Instituto Igarapé lançou o OKA, um aplicativo  gratuito. OKA conecta os recém-chegados a informações geográficas localizadas em temas críticos como abrigo, fontes de alimentos, educação, transporte e serviços de saúde.

O app foi desenvolvido em parceria com comunidades de refugiados e migrantes e voltado para suas necessidades específicas. OKA está disponível tanto off quanto online, e fornece dados detalhados de serviços oferecidos por agências públicas no âmbito municipal, estadual e federal, particularmente em São Paulo, Rio de Janeiro e Boa Vista. O aplicativo foi baixado milhares de vezes desde o seu lançamento e disponibilizado em diversos veículos de mídia no Brasil e no mundo. Uma versão atualizada do aplicativo, que conta com Inteligência Artificial e machine learning, foi lançada em 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos, no Museu da Imigração em São Paulo. O cantor Nando Reis compartilhou um vídeo do OKA que atingiu 32.000 pessoas.

Leia mais sobre o OKA