Mapping Citizen Security Interventions in Latin America: Reviewing the Evidence

Por Robert Muggah e Katherine Aguirre

Outubro de 2013

A combinação de ameaças globais, regionais e locais enfrentadas pelos países latino-americanos deu origem a uma série de iniciativas de políticas de segurança. Algumas destas estratégias de intervenção têm um caráter repressivo e são focadas sobretudo na restauração da lei e da ordem, enquanto outras enfatizam medidas preventivas voltadas ao apoio da coesão social.

Muitas intervenções deste tipo – descritas nesse relatório como intervenções de segurança cidadã – estão sendo desenvolvidas e implementadas em toda a América Latina, em diferentes níveis de abrangência e por uma grande variedade de organizações. A segurança cidadã implica medidas efetivas de segurança pública em um contexto mais amplo de normas democráticas.

Este relatório aborda como essas  intervenções de segurança cidadã têm sido operacionalizadas na região e traz dados de mais de 1.300 delas realizadas desde 1990. O estudo verificou um aumento exponencial da frequência de tais intervenções e ressalta a concentração destas iniciativas em um pequeno número de países, bem como a predominância das intervenções de abrangência nacional.

VER PDF