Categoria: Nota à imprensa

Nota à imprensa

Nota à Imprensa sobre mortes no Complexo do Alemão

O Instituto Igarapé vem a público mais uma vez mostrar a sua indignação com a política de segurança pública praticada no Rio de Janeiro, que se baseia no confronto que vitima milhares de pessoas todos os anos. Na última operação, 18 pessoas morreram no Complexo

Nota à imprensa

Instituto Igarapé suspende edital da ferramenta CrimeRadar

  Com atenção às questões legítimas indicadas em redes sociais, o Instituto Igarapé suspendeu, nesta terça-feira, o edital para teste gratuito da ferramenta CrimeRadar publicado recentemente. O Instituto apóia fortemente o diálogo construtivo sobre os desafios complexos relacionados à segurança pública e sobre os efeitos

Nota à imprensa

Voto de Moraes favorável ao controle responsável de armas e munições é boa notícia, mas nova suspensão de julgamento-chave no STF coloca segurança e democracia em risco, afirmam institutos Igarapé e Sou da Paz

  Liminar restabelece medidas de marcação e rastreamento de armas e munições. Desde pedido de vista anterior, 64 mil novas armas foram registradas por cidadãos     Após voto do ministro Alexandre de Moraes favorável à derrubada de dispositivos que favorecem o descontrole de armas,

Nota à imprensa

Carta aberta das organizações de segurança pública e direitos humanos

Não podemos falhar na responsabilização dos ataques à segurança pública e à democracia   Diante do momento mais desafiador da democracia brasileira desde a promulgação da Constituição Federal de 1988, reforçamos nosso compromisso inabalável com a democracia e com a construção de um país mais

Nota à imprensa

Nota à Imprensa sobre mortes em operação policial no Jacarezinho

É inaceitável que a política de segurança pública do Rio de Janeiro aposte em letalidade como estratégia O Instituto Igarapé lamenta profundamente a morte de 25 pessoas, incluindo um policial civil, em operação da Polícia Civil no Jacarezinho, Zona Norte do Rio de Janeiro, nesta

Nota à imprensa

Nota à Imprensa – Rosa Weber suspende parcialmente efeitos de decretos de armas do governo federal; institutos Igarapé e Sou da Paz comemoram decisão de ministra

Decisão individual da ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber suspendeu, nesta segunda-feira (12), trechos dos quatro decretos publicados pelo presidente Jair Bolsonaro às vésperas do Carnaval. As medidas flexibilizam ainda mais as regras de aquisição, registro e porte de armas no país. O

O Instituto Igarapé utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso e, ao continuar navegando, você concorda com essas condições.

Skip to content