The Rise of Citizen Security in Latin America and the Caribbean

As sociedades da América Latina e do Caribe estão entre as mais violentas do mundo. O problema parece estar piorando. Por quê? Não há uma, mas várias explicações pelo aumento constante da criminalidade e da vitimização em toda a região. Além de desencadear a desigualdade e a impunidade crônica, uma grande parte do problema decorre de abordagens repressivas e punitivas para combater a criminalidade. Mais positivamente surgiu uma nova geração de medidas de “segurança cidadã” nas últimas décadas. Essas intervenções ampliam o foco das medidas de segurança pública a partir de uma preocupação estreita com a salvaguarda das instituições do Estado para abranger uma preocupação mais amplo com a preservação da segurança e dos direitos dos cidadãos.

Ver site (em Inglês)