Quarentenar não é opção: desigualdades sociais atrasam fim da pandemia

Publicado em UOL

Com Robert Muggah

O privilégio de quem tem acesso à internet — e o distanciamento social é garantido apenas para a pequena parcela da população que vive em casas espaçosas. A edição especial “Querer e poder” do TAB retratou como as diferenças de oportunidades impactam a sociedade durante a pandemia.

Respondendo a 5 perguntas nossas, o cientista político canadense Robert Muggah, um dos fundadores do Instituto Igarapé — com atuação em programas das Nações Unidas, Banco Interamericano de Desenvolvimento e Banco Mundial para solucionar desafios globais –, explicou como os efeitos da quarentena determinam as agendas econômica e social do Brasil e do mundo.

Leia mais