Pandemia de Covid-19 criou revés nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Publicado na Folha de S.Paulo

Com Robert Muggah

A pandemia da Covid-19 representou o primeiro grande revés no progresso de países rumo aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) desde que eles foram adotados em 2015. E o Brasil é uma das nações mais atingidas nessa correlação.

No ano de 2020, caiu a pontuação média global do Índice DS em relação ao ano anterior. A queda foi a primeira da série histórica do índice calculado pela Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (SDSN), presidida pelo economista Jeffrey Sachs, diretor do Centro de Desenvolvimento Sustentável da Universidade Columbia (EUA).

“O Brasil está testemunhando os efeitos de uma liderança nacional catastrófica, uma dramática crise de saúde e um crescimento econômico muito lento. Como resultado, estamos vendo aumento da pobreza, desemprego severo e aumento da renda e da desigualdade socia”, avalia o cientista político Robert Muggah, diretor de pesquisa do Instituto Igarapé.

Leia mais

O Instituto Igarapé utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso e, ao continuar navegando, você concorda com essas condições.