Nota de esclarecimento

Ilona Szabó, diretora-executiva do Instituto Igarapé, aceitou o convite do Ministro Sérgio Moro para integrar o Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP). Ilona, que atua há mais de 15 anos na área de segurança pública e política de drogas, levará sua experiência e conhecimento para debater diretrizes e contribuir com a elaboração da política criminal com foco na prevenção do delito, administração da Justiça Criminal e execução das penas e das medidas de segurança. O CNPCP é um órgão consultivo – portanto, sem remuneração e funções executivas no governo – mas relevante na proposição de políticas públicas baseadas em evidências. O Instituto Igarapé elogia o gesto do Ministro Sérgio Moro ao pensar em vozes plurais para o Conselho e em uma presença feminina, e ao mesmo tempo acredita que, ao aceitar o convite, Ilona Szabó reforça um mandato do próprio instituto: propor políticas públicas baseadas em evidências, promovendo o diálogo com diferentes setores da sociedade. O Instituto Igarapé desde sua fundação trabalha de forma independente e em parceria com as instituições de segurança pública e justiça criminal contribuindo para a construção de um país mais seguro para todos e todas.