Site map

À Margem do Perigo

Junho, 2017

Esta Nota Estratégica trata de um fenômeno relativamente novo nas relações internacionais. Desde a década de 1990, há um número cada vez maior de especialistas civis que trabalham em contextos altamente instáveis, antes restritos apenas a militares. Embora vários países já tenham desenvolvido mecanismos para melhor preparar seus próprios nacionais, no Brasil, a imensa maioria dos profissionais não-militares que atuam em países em crise ou egressos de conflito tende a receber treinamentos ad hoc, se é que recebe algum tipo de preparo sobre questões de segurança. Para entender a situação dos civis brasileiros e a fim de identificar ferramentas e oportunidades para superar os principais desafios, a presente Nota Estratégica está dividida em cinco seções, além desta introdução e da conclusão.

Ver PDF