Implementando a agenda sobre “Mulheres, Paz e Segurança” no Brasil

Implementando a agenda sobre “Mulheres, Paz e Segurança” no BrasilEste artigo apresenta uma análise do conteúdo do Plano Nacional de Ação (PNA) sobre mulheres, paz e segurança, documento adotado pelo Brasil em 08 março de 2017, em resposta aos apelos das Nações Unidas para que seus Estados-membros promovessem estratégias nacionais para a implementação dos compromissos assumidos pela Resolução 1325 (2000) do Conselho de Segurança.

A publicação tem o objetivo de identificar os principais avanços introduzidos pelo plano, assim como os desafios substantivos, operacionais e metodológicos para a concretização de suas metas.

Por fim, são apresentadas algumas recomendações visando fomentar o debate público sobre a agenda “Mulheres, Paz e Segurança” no Brasil e promover o engajamento crítico de atores-chaves envolvidos com a execução das metas brasileiras.

Leia o relatório