‘Discutir protocolos de atuação faz parte do fortalecimento das polícias do Rio de Janeiro’

Foi ao ar na CBN

Michelle do Ramos, assessora especial do Instituto Igarapé, falou sobre o sequestro de um ônibus na Ponte Rio-Niterói. Ela disse que a comparação com o sequestro do ônibus 174 é quase inevitável. Michelle destaca que os dois casos diferem em relação ao amadurecimento, desenvolvimento dos protocolos e treinamento para lidar com esse tipo de situação. ‘Esse fortalecimento dos protocolos de atuação é fundamental para que a gente reduza o risco de desfechos ainda mais trágicos em situações dramáticas como a do sequestro de ontem’.