Amazônia como solução

Logo-banner-coluna-folha-fsp

Por Ilona Szabó

Publicado na Folha de S.Paulo

Escrevo esta coluna muito abalada pelo desaparecimento do jornalista Dom Phillips e do indigenista Bruno Araújo. Enquanto aguardamos o desfecho do que aparenta ser um crime brutal que precisa ser esclarecido, devidamente julgado e punido, me pus a refletir sobre como estancar a sangria predatória de recursos naturais e a violência crescente que ocorre na região. Não podemos mais permitir que os defensores da floresta e os que os apoiam assumam com seus próprios meios e corpos a defesa dos seus territórios e do seu modo de vida.

A Amazônia é um ativo estratégico central para nosso país. Para protegê-la é necessário, por um lado, atuar nas múltiplas dimensões de segurança —humana, pública, ambiental e jurídica—, para garantir o cumprimento da lei e a proteção da floresta e seus defensores. Isso envolve um arranjo de governança com diferentes instituições e níveis de governo, com metas comuns e competências de atuação transparentes e colaborativas. E por outro, atrair investimentos alinhados ao desenvolvimento sustentável da região, que tenham a melhoria das condições de vida das populações locais como condição central. Essas duas frentes precisam andar juntas e de forma coordenada.

Leia o artigo

O Instituto Igarapé utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso e, ao continuar navegando, você concorda com essas condições.

Skip to content