A especialista Ilona Szabó aborda segurança pública com uso de evidências científicas

Publicado no Comunitas

Segurança é uma das principais preocupações dos governos e cidadãos brasileiros atualmente, e não é por acaso: em 2017, o país bateu novo recorde e teve o maior número de assassinatos, com mais de 60 mil mortes violentas.

Mas para combater esses dados, é fundamental rever o que foi feito até hoje e analisar, de forma crítica, o modelo de se pensar segurança pública. Para abordar como prevenir a violência com uso de evidências científicas, o Bate-Bola dessa vez é com Ilona Szabó, cientista política e diretora-executiva do Instituto Igarapé – organização parceira da Comunitas.

 Qual o papel do município na área da Segurança Pública?

O município tem papel crucial em uma estratégia de segurança pública sobre a qual ainda falamos pouco: a da prevenção da violência. O sistema municipal – de saúde, educação, assistência social – costuma acompanhar o cidadão ao longo de toda a sua vida e, por isso, é capaz de identificar sinais de alerta. Programas de busca ativa de estudantes que deixaram de frequentar a escola e de proteção para mulheres vítimas de violência são exemplos de estratégias que os municípios podem e devem adotar.

Leia mais