Cartéis cibernéticos e gangues digitais

 

Janeiro, 2015

 

Robert Muggah, diretor de pesquisa do Instituto Igarapé, monitorou o contrabando de armas na África, viu cadáveres na Colômbia e trabalhou com senhores de guerra no Congo. Hoje, ele levanta o véu sobre suas ferramentas de visualização e expõe o trabalho dos cartéis cibernéticos e o que podemos fazer para rastreá-los.