Igarapé Talks

Visualizar como página web

Instituto Igarapé - a think and do tank

Newsletter nº 7 – Agosto 2017

Foto de prisão brasileira.

Igarapé Talks

O Instituto Igarapé tem como compromisso a disseminação de ideias inovadoras sobre segurança, proteção social e acesso à justiça. Acreditamos no poder de compartilhar soluções baseadas em evidências que inspirem ações e produzam transformações positivas. O Instituto contribuiu com mais de 190 painéis internacionais em 2016 e está a caminho de quebrar esse recorde em 2017. Em agosto, a diretora executiva do Igarapé, Ilona Szabó, desconstruiu a perspectiva da guerra às drogas, oferecendo uma visão revigorada e progressista sobre política de drogas durante o USP Talks. Durante um debate amplamente divulgado com o Ministro da Justiça do Brasil durante o Reage Rio, a pesquisadora Michele dos Ramos sublinhou as soluções mais importantes para a segurança. No final de agosto, o diretor de pesquisa Robert Muggah participou, em Berlim, de um painel sobre o futuro do desenvolvimento com Gro Brundtland, que foi primeira-ministra da Noruega duas vezes, Sigmar Gabriel, ministro das relações exteriores da Alemanha, e Achim Steiner, chefe do PNUD. Robert também está a caminho do Oslo Freedom Forum e participará do TED Global, em Nova York, tratando de fragilidade e resiliência de cidades. Veja também outras palestras de membros do Instituto Igarapé no TED Global sobre drogas e cidades frágeis, e em Davos 2017, no Chicago Forum on Global Cities 2017, na Singularity University, e no Web Summit.

Veja o USP Talks com Ilona Szabó →

Igarapé em números

  • O Instituto Igarapé foi mencionado 912 vezes por 740 veículos brasileiros e internacionais somente em agosto. O trabalho do Igarapé foi destacado por grandes veículos internacionais como Bloomberg, CNN, Le Monde, New York Times, RT e outros. Os temas cobertos incluem o trabalho do Igarapé testando novas câmeras corporais que estão em teste pela Polícia de Jersey City, mencionado pela CBS News. A Folha de S. Paulo e outros veículos entrevistaram membros do Instituto Igarapé sobre o fim da Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti. Membros do Instituto também foram mencionados no Financial Times e no Americas Quarterly.
  • O Igarapé também publicou 17 artigos de opinião em veículos nacionais e internacionais neste mês. Entre eles, artigos sobre pesquisa de opinião acerca da percepção de violência na América Latina, no Los Angeles Times !important; sobre a transformação da violência na Colômbia após o acordo de paz com as FARC, no Americas Quarterly !important; e sobre medidas para que se evite uma guerra civil na Venezuela, no Foreign Affairs.
  • O Instituto Igarapé lançou uma nova publicação em agosto. O texto explora a participação das mulheres nas Forças Armadas Brasileiras. O relatório inclui uma galeria de imagens que capturam a evolução da presença feminina no Exército, na Marinha e na Aeronáutica. O Instituto publicou o relatório em um evento de alto nível com a mulher de mais alta patente nas forças armadas do país, a Contra-Almirante Dalva Mendes, atraindo a atenção da mídia brasileira !important; foram, no total, 56 matérias na mídia nacional.
  • Membros do Instituto Igarapé participaram de 18 eventos públicos e seminários em agosto. A coordenadora da campanha Instinto de Vida, Dandara Tinoco, participou de um seminário organizado pela Plataforma dos Centros Urbanos da Unicef em Brasília. Ilona Szabó e Isabel Clemente lançaram o livro “Drogas: as Histórias que não te Contaram”, junto com a Campanha Instinto de Vida, em Porto Alegre. A pesquisadora Renata Avelar participou do debate “ A Resolução 1325: implementando a agenda de mulheres, paz e segurança no Brasil” no BRICS Policy Center, no Rio de Janeiro.

Rob Muggah apresentando nosso app Cidades Frágeis em Davos.

Igarapé no “Reage, Rio!”

O Instituto Igarapé está em estreita colaboração com as autoridades brasileiras em nível federal, estadual e municipal, o setor privado e uma série de grupos da sociedade civil para combater a crise da segurança pública que o Rio de Janeiro enfrenta. No dia 30 de agosto, os jornais O Globo e Extra lançaram o “ Reage Rio” para identificar soluções práticas de prevenção e redução da violência. O Igarapé teve papel central na discussão. A pesquisadora Michele dos Ramos participou de discussão sobre segurança pública junto com o Ministro da Justiça, Torquato Jardim. Ela sublinhou a importância da prevenção de homicídios. Sua contribuição apareceu na capa do jornal O Globo e gerou 5 das 50 recomendações produzidas pelo evento.

Veja o “Reage, Rio!” online

Rob Muggah apresentando nosso app Cidades Frágeis em Davos.

Discutindo drogas e gênero na Casa TPM 2017

No dia 27 de agosto, o Instituto Igarapé participou da edição de 2017 do Casa TPM, em São Paulo. Esse ano, o Instituto foi representado pela pesquisadora Ana Paula Pellegrino. Ana discutiu a questão das drogas e as vulnerabilidades vivenciadas particularmente pelas mulheres. Como ela disse: “ as mulheres enfrentam problemas ainda maiores quando acabam caindo no sistema de proibição. Há a questão do abandono e consequências ainda mais sérias.” O Igarapé consolidou-se como uma referência em questões relativas a política de drogas no Brasil e na América Latina. Um de nossos estudos recentes – “ Direito à Defesa e à Proporcionalidade” – avaliou os desafios específicos dos defensores públicos e oferece estratégias para melhorar as políticas de drogas de forma mais geral.

Leia: “Direito à defesa e à proporcionalidade”

Foto de Cesar Gaviria, ex-presidente da Colômbia.

Mulheres na linha de frente

O Instituto Igarapé desempenhou um papel fundamental na promoção da agenda Mulheres, Paz e Segurança no Brasil. No dia 11 de agosto, as pesquisadoras Maiara Folly, Renata Gianinni e Mariana Fonseca Lima lançaram uma nova publicação: “ Situações extraordinárias: a entrada de mulheres na linha de frente das Forças Armadas brasileiras”. Como parte do evento, o Igarapé também lançou conteúdo especial no site especializado Gênero e Número: com uma visualização ampla de dados e fotografias históricas sobre o papel da mulher nas Forças Armadas. O estudo apareceu em veículos como o Estadão, o HuffPost Brasil, a TV Band e muitos outros. O estudo também foi publicado online em formato web report.

Leia o web report da pesquisa

Foto de Cesar Gaviria, ex-presidente da Colômbia.

#InstintodeVida em Porto Alegre

A campanha Instinto de Vida continua a expandir suas conexões dentro do Brasil: no dia 22 de agosto, houve um novo lançamento da campanha em Porto Alegre, a maior cidade do Sul do Brasil. Durante a ocasião, o estado do Rio Grande do Sul e outros 14 municípios se comprometeram com a meta de redução de homicídios da campanha. O evento incluiu um painel sobre estratégias de redução do número de homicídios, e foi organizado pelo Insituto Fidedigna com o apoio do Instituto Igarapé. Autoridades do estado, prefeitos, guardas municipais e outros representantes do poder público – além de pesquisadores da área de segurança pública – participaram do evento que atraiu um grande nível de atenção de meios como o Zero Hora e o Jornal do Comércio, além de outros veículos regionais.

Veja o guia de políticas públicas de #InstintodeVida

Para ficar de olho

  • No dia 9 de setembro, Ilona Szabó vai apresentar seu livro Drogas: as histórias que não te contaram, na XVIII Bienal do Livro do Rio de Janeiro.
  • Entre os dias 6 e 8 de setembro, Nathan Thompson irá participar de um evento sobre segurança de computadores entitulado “ Por una mejor regulación de Internet en América Latina – #CELE17”, em Buenos Aires.
  • No dia 8 de setembro, a campanha Instinto de Vida realizará um grande evento em parceria com a OEA em Washington, D.C. (EUA), apresentando uma pesquisa de opinião realizada nos 6 países com as maiores taxas de homicídios da América Latina.
  • No dia 18 de setembro, o diretor de pesquisa Robert Muggah participará do painel “ Accelerating Progress on Urban Development roundtable , do Fórum Econômico Mundial em Nova York.
  • No dia 19 de setembro, Robert Muggah vai publicar um relatório novo e importante junto com a Iniciativa Know Violence in Childhood, em Nova York.
  • Robert Muggah também volta ao TED Global, em Nova York, em 20 de setembro para dar uma palestra sobre como construir cidades resilientes.
  • Entre os dias 24 e 28 de setembro, Robert Muggah presidirá partes da segunda reunião do Parlamento Global de Prefeitos em Stavanger, Noruega.
  • O Instituto Igarapé faz parte da coalizão Debating Security Plus, um debate que ocorrerá online entre os dias de 26 e 28 de setembro.

Change language preferences / Alterar preferência de idioma

Instituto Igarapé - a think and do tank

igarape.org.br

+55 (21) 3496-2114

+55 (21) 3988-6540

contato@igarape.org.br

 

Apoie o Instituto Igarapé
Facebook
/InstitutoIgarape

Twitter
/igarape_org

Enviado por Instituto Igarapé

Rua Miranda Valverde, 64, Botafogo, Rio de Janeiro. RJ – Brasil – 22281-000

Se deseja não receber mais mensagens como esta, descadastre-se.