NOSSA AGENDA COMUM

Respostas a desafios futuros e atuais 

O mundo vem enfrentando desafios múltiplos e interconectados: desde ameaças sanitárias globais e tensões geopolíticas até transformações digitais massivas e a aceleração da mudança climática. Trata-se de riscos complexos e que ameaçam sobrecarregar as instituições multilaterais. Precisamos de uma nova forma de pensar.

 

É com esse objetivo que o Instituto Igarapé está apoiando o secretário-geral das Nações Unidas na elaboração da Nossa Agenda Comum. O compromisso da Agenda é cumprir a promessa da Carta das Nações Unidas redirecionando investimentos para a cooperação internacional.

A Nossa Agenda Comum é composta pela contribuição de acadêmicos, jovens, sociedade civil e do sistema das Nações Unidas. A iniciativa é dirigida pelo escritório executivo do secretário-geral, com apoio da UN Foundation e do Instituto Igarapé, em conjunto com uma rede de parceiros ao redor do mundo, incluindo a ACCORD (África do Sul), Southern Voice (uma rede de 50 think tanks da África, Ásia e América Latina) e a Lee Kuan Yew School of Public Policy of the National University of Singapore.

 

A agenda identifica 12 áreas que necessitam de um multilateralismo fortalecido:

Não deixar ninguém para trás 

 

Proteger nosso planeta

Promover a paz a prevenir conflitos

Cumprir o direito internacional e garantir justiça

Colocaremos mulheres e meninas no centro

Construir confiança 

Melhorar a cooperação digital

Fazer as Nações Unidas avançar

Garantir financiamento sustentável

Impulsionar parcerias

Ouvir e trabalhar com jovens

Estarmos preparados

A Agenda propõe uma série de medidas práticas para avançar estes 12 temas, definidos pela Declaração de 75 anos de aniversário das Nações Unidas. O relatório sugere, entre outras coisas, uma renovação do contrato social, maior solidariedade entre diferentes gerações, fortalecimento da proteção de ativos globais e o acesso mais rápido e inclusivo a bens públicos globais.

 

Entre 2020 e 2021, o Instituto Igarapé apoiou o escritório executivo do secretário-geral no desenvolvimento da Nossa Agenda Comum. O Instituto produziu pesquisas, revisou recomendações e coordenou uma consulta digital global com o apoio de uma ampla diversidade de parceiros.

 

Pesquisa: o Instituto produziu documentos de análise sobre como acelerar um multilateralismo mais inclusivo e desenvolveu visualizações de cooperação internacional, baseada em dados, acerca de vacinação global, não-proliferação nuclear e finanças climáticas.

Consultas: o Instituto liderou uma consulta global envolvendo organizações não-governamentais, investidores de impacto, filantropias, parlamentares, prefeitos, universidades e grupos sub representados. O processo gerou 523 propostas de 1.759 participantes em 147 países.

A Agenda está considerando pontos de vista de uma ampla gama de pessoas e organizações. Seu desenvolvimento foi organizado em torno de quatro pilares. Esses incluem pilares focados em líderes de pensadores, jovens pensadores, Estados membros e sociedade civil.

Este pilar incluirá consultas com os Estados-Membros sobre a implementação da declaração UN75.

Este pilar permitirá que um grupo diversificado de especialistas e líderes de todo o mundo contribuam com ideias.

Este pilar dará a pensadores com menos de 30 anos de todo o mundo a oportunidade de contribuir com ideias em um formato mais aberto.

Esse pilar, chamado “Nós, os povos”, reúne um conjunto diversificado de organizações para participar de uma consulta digital e oferecer propostas por meio de uma plataforma online.

+ Nós, os povos  

Consulta Digital 

 

O Instituto Igarapé liderou uma consulta digital para identificar propostas ousadas, viáveis e práticas em todo o mundo. Foram reunidos 1.759 especialistas em 147 países para se envolver em uma plataforma interativa online. Foram geradas 523 propostas para enfrentar desafios novos e emergentes.

A consulta reuniu partes interessadas de mais de uma dúzia de setores para desenvolver propostas para: acelerar o cumprimento dos compromissos assumidos na Declaração UN75, juntamente com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e o Acordo do Clima de Paris.


A rica gama de perspectivas e contribuições recebidas, por meio da consulta contribuiu para as ideias apresentadas no relatório do Secretário-Geral sobre Nossa Agenda Comum.

Parceiros em Nossa Agenda Comum

O Instituto Igarapé utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso e, ao continuar navegando, você concorda com essas condições.