Decretos sobre armas: vice da Câmara diz que Bolsonaro invadiu competência do Congresso

Publicado no G1

O vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos (PL-AM), criticou em uma rede social neste domingo (14) a atitude do presidente Jair Bolsonaro de editar decretos que flexibilizam o uso e a compra de armas de fogo no país.

Para o parlamentar, o assunto deveria ser tratado no Congresso, e Bolsonaro invadiu uma competência exclusiva do Legislativo.

O Instituto Igarapé classificou os novos atos como “continuação do desmonte da política de controle de armas e munições do Brasil”, o que “não só tem efeitos letais para o país que mais mata com armas de fogo no mundo, como reforça possíveis ameaças à democracia e à segurança da coletividade”.

Leia mais
Tags: